Atividade física e doença

por Rodrigo Alves | novembro 7, 2018

Tô gripado, posso treinar?

Pelo senso comum a resposta obvia para essa pergunta deveria ser não, a você teria que ficar de repouso em casa, pelo fato do corpo está fazendo um grande esforço para combater as bactérias ou vírus que estejam causando a doença e não teria o porque exigir ainda mais do seu corpo nessa situação.
Mas para tal decisão ser tomada devemos nos atentar aos sintomas que estamos apresentando, se os sintomas forem: Congestões no peito e no pulmão, dores muscular, dificuldade para ventilar, dor de garganta intensa, vômitos e febre, realmente a você deve ficar em casa para repousar. As atividades físicas podem ser mantidas se os sintomas forem mais brancos como: Tosse leve, congestão nasal e espirros, lembre-se  os sintomas mais graves sempre se manifestarão abaixo do pescoço, porém o mais importante é você fazer uma auto-análise sobre o quanto se sente apto para praticar a atividade física.

Outro ponto a ser observado é a diminuição do volume e da intensidade dos exercícios, uma vez que atividades físicas muito intensas atuando diretamente no sistema imunológico do indivíduo, no caso de uma pessoa saudável isso não promoverá problemas mas indivíduos com sistema imunológico já afetados pelo vírus/bactéria sofrerão maiores danos podendo prolongar a vida útil da doença.

Mantenha-se sempre hidratado!

E dê preferência para atividades aeróbicas de leve/moderada intensidade; se possível em casa ou em espaços abertos, evitando lugares fechados para não propagar a doença.

Nenhuma dessas dicas substitui uma consulta médica, procure sempre um profissional de condiança.

Rodrigo Alves
Rodrigo Alves

Rodrigo Alves


Rodrigo Alves S. Lopes Professor com especialização - Medicina do Esporte e Atividade Física.
Nenhum Comentário Ainda

Contato

contato@praiafitness.com.br
(21) 2051-5119

RECEBA NOSSA NEWSLETTER